Comendo minha tia Cícera


Olá, meu nome é Lucas. Tenho 21 anos e não sou do tipo gato, sarado que muitos relatam aqui no site, sou magrelo, moreno, 1,78 de altura. Vou contar uma história do dia mais feliz da minha vida até hoje, o dia que comi a minha tia Cícera na casa dela.

Morávamos eu embaixo e ela na casa de cima, ela é casada tem 1, 60 mais ou menos de altura, moreninha, uma bundinha deliciosa e uns peitinhos bem pequenos…uma delícia de mulher…

o marido dela trabalha a noite e ela sempre fica sozinha com o filho pequeno…

Várias vezes ela me pedia pra ir até a casa dela arrumar o computador ja que ela não sabia muita coisa, e eu ia numa boa, mas sempre ficava de olho nela porque sempre tive um enorme tesão por ela, batia punheta todo dia pra ela e talz.

Certo dia ela me chamou já umas 11 horas da noite pra resolver outro problema no PC e eu rapidamente fui. Chegando lá ela estava com um moleton bem justo e uma camiseta velha e sem sutiã, que deixava os biquinhos do peito bem saltados aparecendo de farol aceso…meu pau já deu sinal de vida na hora…mas beleza…fui la e arrumei o computador e não parava de olhar pra ela sentada do meu lado com aquela roupa apertada…acho que ela percebeu pois foi ficando meio sem graça…mas ao mesmo tempo ia passando a mão pelas pernas, pelo pescoço e vinha querendo me mostrar outras coisas no PC e de vez em quando roçava aqueles peitinhos no meu braço e meu tesão só aumentando…

Depois de tudo certo ela me chamou pra tomar um suco na cozinha, e eu fui numa boa,meio que tentando disfarçar o pau duro é verdade mas fui mesmo assim. Eu olhava ela indo na frente e aquela bunda maravilhosa com a calça de moletom enfiada no cu e me deixava louco. quando ela foi abrir a geladeira, pegou o suco, botou na mesa, e voltou a geladeira pra pegar algo pra gente comer…deu aquela abaixada pra pegar algo la embaixo e aí meu tesão não suportou…lasquei a mão no meio das pernas dela e agarrei por trás.

Na hora ela deu um pulo e começou a falar o que eu estava fazendo…mas eu nem ouvia direito, enquanto ia encoxando ela, uma mão segurava uma teta e a outra ja ia por dentro da calça dela e esfregando aquela buceta que já sentia estar ficando toda molhadinha….e aos poucos ela foi se deixando largar. Logo comecei levar ela pro quarto e ia falando no ouvido dela por trás o quanto ela era gostosa e tesuda.

Joguei ela na cama e já tirei a roupa, fui tirando a calça dela e já meti a boca na bucetinha raspadinha e ela gemia de um jeito meio tímido mas bem gostoso…comecei a chupar as tetinhas e fazer uma siririca nela ao mesmo tempo e ai ela não aguentou o tesão e me pediu pra pegar ela de jeito. Botei ela de quatro e comecei a enfiar com força… ela gemia muito, como se estivesse a bastante tempo sem transar… com todo o tesão que eu tinha nela gozei rapidinho…mas o pau continuou duro…virei ela de frente e comecei um papai-mamãe bem devagar mas firme…ela ia ao delírio….e pedia pra eu meter mais e mais…até que ela decidiu tomar as rédeas e me virou e ficou por cima me cavalgando de forma deliciosa…eu lambia os peitinhos enquanto ia apalpando aquela bunda maravilhosa até que ela finalmente gozou….e aí pude gozar a vontade também…Nossa que loucura….que transa…ela ficou la olhando pra mim sem saber o que dizer…então a beijei muito e depois disse que precisava ir…

Depois desse dia sempre que a gente se ve fica um clima meio estranho, mas quem sabe uma hora a gente possa voltar a fazer amor gostoso como foi aquele dia…mesmo ela sendo minha tia.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s